Blog Orca Contabilidade


Publicado em: 27 de Março de 2020

Governador anuncia pacote de R$ 1 bilhão para preservar os empregos

O governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou nesta sexta-feira (27) um conjunto de ações que somam R$ 1 bilhão para estimular a atividade econômica e preservar emprego e renda dos paranaenses. O valor está distribuído entre linhas de crédito para o setor produtivo e pequenos empreendedores, dilação de prazos de financiamentos das prefeituras e de impostos para empresas, e contingenciamento de recursos do orçamento.

As medidas foram discutidas com o setor empresarial ao longo da semana e têm como objetivo primordial a manutenção dos postos de trabalho. “Nosso pacote é de proteção e manutenção dos empregos. Ele foi construído para atender autônomos, e de micro até as grandes empresas”, ressaltou o governador. “Os tomadores dos créditos terão o compromisso de manter seus trabalhadores”.

Ratinho Junior explicou que o governo estadual estruturou esta primeira etapa de medidas e que outras podem ser adotadas em caso de necessidade. “Queremos o menor prejuízo possível e atingir o máximo de pessoas nos próximos 30, 60 ou 90”, disse. “Estamos vivendo uma crise de saúde pública que atingiu a economia de todo o mundo. No Paraná, é a pior desde 1975, desde a geada negra”.

O governador ressalta que o Estado está atento aos problemas gerados pela pandemia do novo coronavírus. “O momento é muito duro, as empresas estão sofrendo, os autônomos estão com muitas dificuldades. Por isso formatamos esse grande pacote de investimentos para a classe empresarial, para ajudar todos os setores nesse momento”, acrescentou.

CRÉDITO – A maior parte do pacote envolve disponibilidade de crédito. São linhas com juros menores, carências de até um ano e desburocratização dos processos. A operacionalização envolve o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e a Fomento Paraná. As instituições formataram programas emergenciais para destinar recursos aos micro, pequenos e médios empreendedores; aos setores mais atingidos pela crise; e empresas que já são clientes.

O Governo do Estado também aportou R$ 5 milhões em um fundo garantidor para os financiamentos, renovou por doze meses as condições das empresas que recebem incentivos fiscais, prorrogou por 90 dias o prazo de pagamento do ICMS para 277 mil empresas do Simples Nacional e anunciou um projeto de lei para manter empregos nas empresas que mantêm contratos com a administração estadual.

Além de injetar dinheiro novo na atividade produtiva, o Governo do Paraná estima manter em circulação até R$ 6 bilhões ao abrir a possibilidade da suspensão da cobrança de dívidas de tomadores de crédito (públicos e privados) junto aos agentes econômicos vinculados ao Estado.

Confira as medidas

Prorrogação do prazo para pagamento do ICMS

O Governo do Estado prorrogou o pagamento de 277 mil empresas do regime do Simples Nacional por 90 dias. Esse é um regime tributário diferenciado e simplificado aplicável a microempresas (ME) e pequenas empresas (EPP – Empresas de Pequeno Porte) que têm receita bruta anual de até R$ 360 mil (micro) e até R$ 4,8 milhões para as EPP.

Renovação do prazo do programa de incentivos fiscais por doze meses

O Governo do Estado também renovou automaticamente as condições do programa de incentivos fiscais por doze meses. São benefícios já aplicados a 12 setores, entre eles vestuário e vinhos. O prazo acabaria no dia 30 de abril. Esses benefícios atingem dois tratamentos tributários diferenciados, de redução de base de cálculo e créditos presumidos.

Aporte de R$ 5 milhões em garantias

O Governo do Estado também aportou R$ 5 milhões no fundo garantidor formado por seis Sociedades Garantidoras de Crédito (SGCs), que recebem recursos do Sebrae, prefeituras, associações comerciais, empresas parceiras e do próprio Poder Executivo. O Sebrae aportou R$ 5 milhões e o Sicoob mais R$ 5 milhões, ou seja, são R$ 15 milhões a mais. Com o saldo atual, serão R$ 54 milhões de garantia.

Fomento Paraná

A estimativa da Fomento Paraná é empregar em torno de R$ 480 milhões no pacote econômico anunciado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior. Os recursos estão divididos em quatro grandes linhas principais e objetivam atingir pelo menos 40 mil empresas. “O intuito é não tirar dinheiro de circulação dos municípios e das empresas, por isso dos adiamentos da amortização dos atuais financiamentos. E também temos dinheiro novo. Estamos acompanhando as decisões do governo federal para ajudar os paranaenses”, afirmou o diretor-presidente da instituição, Heraldo Neves.

Uma das principais medidas é uma linha de crédito de capital de giro de R$ 120 milhões com recursos do Fundo de Desenvolvimento Econômico (FDE) para atender empreendedores informais, microempreendedores individuais, micro e pequenas empresas, com limite de até R$ 6 mil por tomador, em condições facilitadas de análise e de garantias, sem necessidade de aval de terceiros. Os recursos também custearão a postergação de parcelas de financiamentos privados e públicos já contratados, e ainda a redução (equalização) de taxas de juros em empréstimos das outras linhas.

A Fomento Paraná usará recursos do Fundo de Desenvolvimento do Estado (FDE) para reduzir em cinco pontos percentuais ao ano a taxa de juros da linha tradicional de microcrédito da instituição, que vai até R$ 10 mil para empreendedores pessoa física e até R$ 20 mil para pessoa jurídica. Com isso, a menor taxa de juros, que é de 1,28% ao mês, deve baixar para 0,91% ao mês. O prazo para pagamento nessa linha aumentou de 36 meses para 48 meses, com carência ampliada para até 12 meses (incluída no prazo total).

Empreendedores que iniciaram uma atividade informal até 31 de dezembro de 2019 poderão ter acesso a até R$ 1,5 mil. Quem já abriu um CNPJ e se formalizou, mas está há menos de um ano no mercado, terá acesso a um limite de R$ 3 mil. Empreendedores formalizado há mais de 12 meses, como microempreendedores individuais, micro ou pequena empresa, terão acesso a um limite de R$ 6 mil. Para as três faixas a taxa de juros será de 0,41% ao mês e o prazo para pagamento será de 36 meses, com direito a 12 meses de carência. Os recursos serão liberados em até três parcelas.

Outra linha, de R$ 160 milhões, disponibilizará capital de giro entre R$ 6 mil e o limite de R$ 200 mil para micro e pequenas empresas (faturamento anual até R$ 4,8 milhões), por meio de uma linha de crédito tradicional, com recursos repassados pelo BNDES. Nesse caso, a taxa de juros disponível será a partir de 0,68% ao mês e o prazo para pagamento de 60 meses, incluindo uma carência de até 12 meses. A liberação dos recursos será vinculada a um compromisso das empresas com a manutenção de salários.

Os atuais clientes da instituição financeira que desejarem também poderão solicitar a postergação de pagamento das parcelas de financiamento por um período de até 90 dias. A análise e aprovação dessa renegociação será feita caso a caso, com condições especiais de taxas de juros. A estimativa do banco é aportar R$ 36 milhões nesse segmento.

Também será oferecido aos municípios que possuem financiamentos com a Fomento Paraná uma possibilidade de moratória de 180 dias sem pagamento de juros ou de amortização do principal. Essa medida tem um impacto estimado de R$ 148 milhões. Cada município deverá analisar a vantagem ou não de suspender os pagamentos nesse prazo.

E para o Banco da Mulher Paranaense há algumas mudanças. Toda empreendedora poderá tomar o crédito até o limite de R$ 6 mil da nova linha com recursos do FDE, formal ou informal, dentro das condições de taxa de juros de 0,41% ao mês, com prazo de 36 meses e carência para pagar.  Acima desse valor, continuam valendo os recursos da Fomento Paraná: de R$ 6 mil a R$ 10 mil para pessoa física e de R$ 10 mil a R$ 20 mil para pessoa jurídica com mais de 12 meses de atividade, com taxa de 0,76% ao mês, com até 12 meses de carência e prazo total de 48 meses para pagar. Para micro e pequenas empresas que tenham mulheres como proprietárias ou sócias, há crédito acima de até R$ 200 mil com taxas a partir de 0,44% ao mês e prazo de 60 meses, incluída carência de 12 meses.

BRDE

O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) formatou um programa emergencial de R$ 670 milhões. Ele inclui R$ 50 milhões da linha de microcrédito repassada para a Fomento Paraná, R$ 100 milhões de recursos próprios e R$ 520 milhões de outros fornecedores de crédito.

O objetivo é financiar micros, pequenas e médias empresas do Estado; os setores mais atingidos pela crise, como turismo, economia criativa, prestação de serviços, alimentação, entre outros; e tomadores que já são clientes.

São R$ 100 milhões de recursos próprios para atender o crédito de R$ 50 mil a R$ 1,5 milhão, com taxa de juros (Selic) de 3% ao ano, prazo máximo de 60 meses e carência de até 24 meses. A exigência é de que o tomador mantenha os postos de trabalho. As linhas são: microcrédito – até R$ 50 mil; micro e pequenas empresas – até R$ 200 mil; e demais empresas – até R$ 1,5 milhão.

Também haverá R$ 520 milhões disponíveis para linhas de capital de giro e para incremento da produção. As condições serão aquelas propostas pelos fornecedores de recursos, em especial a operacionalização das linhas anunciadas pelo BNDES, FUNGETUR, FINEP e outros.

O BRDE ainda postergou prazos (até seis meses) de todos contratos ativos destinados a micro, pequenas e médias empresas que não são do setor rural. Pode envolver reforma ou compra de maquinários em geral, pequenas centrais hidroelétricas, fornecedores de serviços para hotéis ou parques de entretenimento, etc. As linhas equalizadas (PSI e Plano Safra) precisam de portaria do governo federal.

Projeto de lei

O Governo do Estado também vai encaminhar para a Assembleia Legislativa um projeto de lei que institui a manutenção dos empregos nas empresas terceirizadas que atendem o poder público.

Contingenciamento

Haverá, ainda, contingenciamento de R$ 321 milhões no Orçamento em virtude da previsão da queda de arrecadação elaborada pelo Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes).

Foto: Geraldo Bubniak/AEN


Posts Recentes


Publicado em: 27 de Maio de 2020

Governo parcela imposto devido por substituição tributária no Paraná

O governador Carlos Massa Ratinho Júnior assinou na terça-feira (26), decreto permitindo, excepcionalmente, o parcelamento de ICMS-ST devido por estabelecimentos inscritos no cadastro estadual como substitutos tributários. A medida se aplica aos fatos geradores ocorridos em março, abril e maio de 2020, inscritos ou não em dívida ativa. Com isso, o pagamento do imposto devido

continue lendo

Publicado em: 26 de Maio de 2020

Receita Federal já recebeu mais de 15,3 milhões de declarações do IRPF 2020

Até às 11h de segunda-feira (25/05) 15.371.381 declarações foram recebidas pelos sistemas da Receita Federal. De acordo com o supervisor nacional do IR, auditor-fiscal Joaquim Adir, a expectativa é de que 32 milhões de contribuintes entreguem declaração neste ano. Relembramos que o prazo de entrega da declaração é de 2 de março até 30 de junho

continue lendo

Publicado em: 8 de Maio de 2020

68,3% dos paranaenses pretendem presentear neste Dia das Mães

O Dia das Mães será comemorado no próximo domingo e uma sondagem feita pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR) revela que 68,3% dos paranaenses pretendem presentear nesta data. O percentual é bem menor do que o registrado no ano passado, quando 80% dos filhos planejavam comprar uma lembrança

continue lendo

Publicado em: 28 de Abril de 2020

Confira pagamentos e tributos adiados ou suspensos durante pandemia

Terminar o mês escolhendo quais boletos pagar. Essa virou a rotina de milhões de brasileiros que passaram a ganhar menos ou perderam a fonte de renda por causa da pandemia do novo coronavírus. Para reduzir o prejuízo, o governo adiou e até suspendeu diversos pagamentos esse período. Tributos e obrigações, como o recolhimento das contribuições

continue lendo

Publicado em: 15 de Abril de 2020

Agência de Fomento Paraná disponibiliza linha de crédito para micro e pequenas empresas

A Agência de Fomento Paraná, instituição financeira de economia mista organizada sob a forma de sociedade anônima de capital fechado com capital social majoritariamente pertencente ao Estado do Paraná, disponibilizou através de seu site http://www.fomento.pr.gov.br/ linhas de crédito emergencial de capital de giro destinadas à manutenção de salários e empregos em empreendimentos informais, MEI, Micro e Pequenas

continue lendo

Publicado em: 7 de Abril de 2020

Simples Nacional prorroga recolhimento de tributos

Para ajudar no enfrentamento dos problemas trazidos pela pandemia do coronavírus, o Comitê Gestor do Simples Nacional prorrogou por 90 dias o recolhimento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que é estadual, e do Imposto sobre Serviços (ISS), municipal. O Governo do Paraná já havia adiado pelo mesmo período o ICMS apurado

continue lendo

Publicado em:

Caixa lança plataforma para solicitação do Auxílio Emergencial

O Auxílio Emergencial é um benefício financeiro destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados, e tem por objetivo fornecer proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do Coronavírus – COVID 19. O benefício no valor de R$ 600,00 será pago por três meses, para até duas pessoas da

continue lendo

Publicado em: 1 de Abril de 2020

Santa Catarina retira autopeças do regime de substituição tributária

Entra em vigor a partir de hoje, 1º de abril de 2020, o Decreto nº 479/2020 assinado pelo Governador do Estado de Santa Catarina, Sr. Carlos Moisés da Silva (Comandante Moisés) que retira Santa Catarina dos Protocolos ICMS 41/2008 e 97/2010 que dispõem sobre a substituição tributária nas operações interestaduais com autopeças.   O que

continue lendo

Publicado em: 30 de Março de 2020

Governo prorroga prazo para declaração do IRPF – prazo encerra dia 30 de junho

O prazo para fazer a Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) que iria encerrar no dia 30 de abril, foi prorrogado em dois meses. Os contribuintes que ainda não fizeram a declaração tem agora até o dia 30 de junho. De acordo com a Receita Federal até quarta-feia primeiro de abril, foram entregues

continue lendo

Publicado em: 27 de Março de 2020

Governo anuncia crédito de R$ 40 bi para pequenas e médias empresas quitarem folha de pagamento

O governo anunciou hoje (27) uma linha de crédito emergencial para ajudar pequenas e médias empresas a quitar a folha de pagamentos. O setor está entre os mais afetados pela crise gerada pela pandemia de covid-19. A estimativa é de liberação de R$ 40 bilhões. O anúncio foi feito em entrevista coletiva, no Palácio do

continue lendo

Publicado em:

Governador anuncia pacote de R$ 1 bilhão para preservar os empregos

O governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou nesta sexta-feira (27) um conjunto de ações que somam R$ 1 bilhão para estimular a atividade econômica e preservar emprego e renda dos paranaenses. O valor está distribuído entre linhas de crédito para o setor produtivo e pequenos empreendedores, dilação de prazos de financiamentos das prefeituras e de

continue lendo

Publicado em:

Prazo final de entrega da declaração anual do MEI é prorrogado para 30 de junho

Por causa dos impactos da pandemia do Coronavírus (Covid-19), o prazo final para entrega da Declaração Anual Simplificada, referente a 2019, para o microempreendedor individual (MEI) foi prorrogado para 30 de junho de 2020. A medida, aprovada pelo Comitê Gestor do Simples Nacional, foi publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (26). Além disso, também foi

continue lendo

Publicado em: 26 de Março de 2020

Confira as medidas para redução do impacto do Coronavírus na economia do Brasil

O grupo de monitoramento dos impactos econômicos do coronavírus anunciou nos últimos dias medidas com ênfase nas políticas direcionadas às microempresas (ME) e a Empresas de Pequeno Porte (EPP) optantes pelo Simples Nacional. Conheça os itens dessas medidas 👇   MEDIDAS DE MITIGAÇÃO DOS IMPACTOS ECONOMICOS DO COVID-19 De acordo com o pronunciamento realizado pelo Ministro

continue lendo

Publicado em: 20 de Março de 2020

Pagamento dos tributos federais do Simples Nacional já está valendo

Os tributos federais relativos ao Simples de março, abril e maio ganharam um prazo maior de seis meses para pagamento O pagamento dos tributos federais do Simples Nacional foi prorrogado. Desta forma, o acerto referente aos meses de março, abril e maio deste ano ficou postergado para outubro, novembro e dezembro, respectivamente. Essa é uma

continue lendo

Publicado em:

Coronavírus, saiba como se prevenir

continue lendo

Publicado em: 19 de Março de 2020

Suspensão do atendimento presencial nos escritórios de Cascavel e Toledo

⚠⚠⚠ COMUNICADO IMPORTANTE⚠⚠⚠   Em atendimento ao Decreto nº 15.313 do Município de Cascavel e ao Decreto nº 754 do Município de Toledo, ambos expedidos em 19 de março de 2020, informamos que o atendimento presencial nos escritórios de Cascavel e Toledo estão suspensos pelos prazos determinados nos respectivos decretos a partir de amanhã, 20

continue lendo

Publicado em: 4 de Março de 2020

Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física – IRPF 2020

O Orca Contabilidade tem nos escritórios de Toledo e Cascavel profissionais especializados para ajudar você a realizar a declaração do IRPF 2020 de forma tranquila e com segurança. Agende seu horário e traga seus documentos.   O mês de março chegou e como todos os anos é a hora de fazer a Declaração do Imposto

continue lendo

Publicado em: 1 de Março de 2020

Novas alíquotas da Previdência Social entram em vigor neste domingo

As novas alíquotas aprovadas na reforma da Previdência entram em vigor hoje (1º) e começam a ser aplicadas sobre o salário de março, pago geralmente em abril. No Regime Geral de Previdência Social (RGPS), as novas alíquotas valerão para contribuintes empregados, inclusive para empregados domésticos, e para trabalhadores avulsos. Não haverá mudança, contudo, para os

continue lendo

Publicado em:

Cartão de crédito passa a usar cotação do dólar do dia da compra

Quem usa o cartão de crédito no exterior vai poder calcular com mais precisão o custo das compras internacionais. Entra em vigor hoje (1º) determinação do Banco Central (Circular nº 3918) que obriga as operadoras de cartão a usar a cotação do dólar do dia da compra – e não mais a do dia de vencimento da fatura – para

continue lendo

Publicado em:

Intenção de Consumo das Famílias (ICF) segue elevada no Paraná

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) se mantém elevada no Paraná. O indicador, aferido pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR), marca 115 pontos em fevereiro, com variação mensal de 0,2%. A pontuação também é semelhante

continue lendo

Publicado em: 21 de Fevereiro de 2020

Cinco dicas para desenvolver os talentos de um grande líder

Papel do líder é fundamental para o sucesso do negócio, pois ele é responsável por conduzir a empresa a um novo patamar. Um bom líder é aquele que vai guiar seu time de colaboradores para alcançar os objetivos da empresa. Ele deve ser capaz de desenvolver os talentos e as competências da sua equipe e despertar

continue lendo

Publicado em: 6 de Fevereiro de 2020

Orca Contabilidade comemora 26 anos de fundação

No mês de Janeiro o Orca Contabilidade comemorou 26 anos de fundação. O sucesso do escritório, as conquistas, os desafios ao longo dos anos foram compartilhados com toda a família Orca Contabilidade. “O sonho de todo empreendedor ao abrir uma empresa é atingir o sucesso, e nós há 26 anos decidimos começar um pequeno negócio,

continue lendo

Publicado em: 30 de Janeiro de 2020

Novo salário mínimo estadual entra em vigor

O salário mínimo regional para 2020 entrou em vigor nesta sexta-feira (24), com data retroativa para 1º de janeiro. O decreto número 3909/20, que oficializa os novos valores, foi assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior e pelo secretário da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, no Palácio Iguaçu. As novas faixas salariais variam de

continue lendo

Publicado em:

IGP-M acumula taxa de 7,81% em 12 meses, diz FGV

 O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), usado no reajuste dos contratos de aluguel, acumula taxa de inflação de 7,81% em 12 meses. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), a taxa é superior aos 6,74% registrados em janeiro do ano passado. O IGP-M teve inflação de 0,48% em janeiro deste ano, taxa inferior aos

continue lendo

Publicado em: 22 de Janeiro de 2020

Confira a ganhadora da camisa 2020 do FC Cascavel

Parabéns Michelli Magnagnagno. Você é a ganhadora da camisa 2020 do FC Cascavel.   A camisa já está disponível no nosso escritório de Cascavel. É só passar lá, tirar aquela foto pras redes sociais e ir pro estádio torcer!     Obrigado por participar e parabéns.   Equipe Orca Contabilidade Cascavel

continue lendo

Publicado em: 19 de Janeiro de 2020

Veja o ganhador do sorteio da camisa 2020 do TEC

Parabéns Maria e obrigado a todos por participarem.     Muito obrigado pela participação e em breve teremos mais sorteios de camisas. Obrigado. Equipe Orca Contabilidade

continue lendo

Publicado em: 15 de Janeiro de 2020

Pendência de IPVA 2020 inviabiliza opção pelo Simples Nacional – Prazo para adesão termina dia 31 de janeiro

O prazo para adesão ao regime tributário do Simples Nacional, ano-calendário 2020, termina no dia 31 deste mês de janeiro. Para não ter negada a opção, a empresa não pode apresentar qualquer pendência cadastral ou fiscal, entre elas o recolhimento do IPVA. De acordo com o gerente do Simples Nacional, setor da Secretaria da Fazenda,

continue lendo

Publicado em:

Receita paga hoje as restituições do lote residual de janeiro do IRPF

A Receita Federal paga nesta quarta-feira (15) as restituições do lote residual do Imposto de Renda Pessoa Física de janeiro. O dinheiro será depositado nas contas informadas na declaração. Ao todo, serão desembolsados R$ 725 milhões para declarações de 2008 a 2019, beneficiando 185.891 contribuintes que estavam na malha fina, mas regularizaram as pendências com

continue lendo

Publicado em: 2 de Janeiro de 2020

Multa adicional de 10% do FGTS será extinta a partir de primeiro de janeiro

A partir de 1º de janeiro, os empregadores deixarão de pagar a multa adicional de 10% do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em demissões sem justa causa. A taxa foi extinta pela lei que instituiu o saque-aniversário e aumentou o saque imediato do FGTS, sancionada no dia 12 pelo presidente Jair Bolsonaro. A multa extra aumentava,

continue lendo

Publicado em:

Salário mínimo será de R$ 1.039 em 2020

O presidente Jair Bolsonaro editou medida provisória (MP) que aumenta o salário mínimo de R$ 998 para em R$ 1.039 a partir desta quarta-feira (1º). O novo valor corresponde ao reajuste da inflação do ano, que encerrou 2019 em 4,1%, segundo o Índice Nacional do Preços ao Consumidor (INPC), calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia

continue lendo

Publicado em:

Confiança empresarial sobe 1,5 ponto e atinge maior nível do ano

O Índice de Confiança Empresarial, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), subiu 1,5 ponto em dezembro de 2019, para 97,1 pontos. Este é o maior nível do índice desde janeiro, fechando o ano com um saldo acumulado positivo em 1,2 ponto, em uma escala de zero a 200 pontos. Os dados foram divulgados na quinta-feira (2). O levantamento

continue lendo

Publicado em:

Orca Contabilidade realiza festa de confraternização de fim de ano

O Orca Contabilidade reuniu colaboradores e seus familiares da matriz Toledo e da filial Cascavel para uma grande festa de confraternização de final de ano em evento realizado em Toledo.   A festa realizada no mês de dezembro já é uma tradição da empresa e contou com muita comida, bate papo descontraído, troca de presentes

continue lendo

Publicado em:

Bem-vindo ao Orca Contabilidade 2020

Assim diz o ditado: “Ano novo, vida nova…”   E assim acreditamos mais uma vez… Ano novo, novos projetos, novas ideias, novos encontros… Entramos em 2020 com a sensação que este ano será um dos melhores dos últimos tempos.   Temos recebido com muita alegria bons resultados e notícias dos negócios de nossos clientes o

continue lendo

Publicado em: 30 de dezembro de 2019

Empresas simples de crédito superam as expectativas e chegam a 530 negócios abertos em nove meses

O número de Empresas Simples de Crédito (ESC), criadas entre abril e dezembro deste ano, superou a expectativa, totalizando 538 unidades em 24 estados e no Distrito Federal, conforme levantamento realizado pelo Sebrae. Inicialmente, era esperada a abertura de 300 ESC para todo o ano de 2019, mas a soma já foi ultrapassada. A meta

continue lendo

Publicado em:

Limite de juros para cheque especial começa a valer no dia 6

Modalidade de crédito com taxas que quadruplicam uma dívida em 12 meses, o cheque especial terá juros limitados a partir da próxima segunda-feira (6). Os bancos não poderão cobrar taxas superiores a 8% ao mês, o equivalente a 151,8% ao ano. A limitação dos juros do cheque especial foi decidida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) no fim de novembro. Os

continue lendo

Publicado em:

Franciele Balena recebe homenagem pelos 10 anos de Orca Contabilidade

No mês de dezembro, os diretores do Orca Contabilidade da matriz Toledo, Celso Lopes da Silva e Neiva Maria Theobald e de Cascavel, Juceli Stefanski, homenagearam a colaboradora Franciele Balena que completou 10 anos de Orca Contabilidade em Cascavel. “No mundo de hoje, em que as relação são cada vez mais superficiais, em que impera

continue lendo

Publicado em: 4 de dezembro de 2019

Lojistas de Toledo e Cascavel estão otimistas para as vendas de Natal

Faltam poucos dias para o Natal e o comércio de Toledo e Cascavel já estão preparados para atender os consumidores. São roupas, calçados, perfumes/cosméticos, eletrodomésticos, eletrônicos, decoração, brinquedos e uma infinidade de produtos para presentear, filhos, mãe, pai, afilhados, irmãos, amigos e muito mais. As decorações natalinas espalhadas pelas cidades e nas vitrines das lojas

continue lendo

Publicado em: 3 de dezembro de 2019

CNC revisa projeção de crescimento do PIB de 2019 para 1,2%

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) revisou a projeção de crescimento para este ano do Produto Interno Bruto (PIB, que é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país) de 1% para 1,2%. De acordo com as Contas Nacionais, divulgadas dia (3) pelo Instituto Brasileiro de Geografia

continue lendo

Publicado em: 2 de dezembro de 2019

Região Oeste se destaca na geração de empregos no Paraná

Impulsionado pelo setor de serviços e a indústria de transformação, o Oeste paranaense vem se destacando na geração de empregos no Estado. De acordo com levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), vinculado ao Ministério da Economia, a região abriu 9.172 postos no acumulado de janeiro a outubro deste ano. O número representa

continue lendo

Publicado em: 22 de novembro de 2019

Utilização da capacidade da indústria atinge maior nível desde 2014

A utilização da capacidade instalada da indústria brasileira aumentou 1 ponto percentual em relação a setembro e alcançou 70% em outubro, o maior nível desde novembro de 2014, quando foi de 73%, informa a Sondagem Industrial, divulgada nesta sexta-feira (22) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).   “A maior utilização da capacidade instalada é fundamental

continue lendo

"OPÇÃO EM QUALIDADE"
ISO 9001:2015

TOLEDO

Rua Ledoino José Biavatti,
1606, Vila Industrial - Toledo - Paraná
+55 45 3055-2439 / 98411-0686 (Whatsapp)

CASCAVEL

Rua São Paulo, 1185 - Centro Comercial
4 Estações | Sala 8 – Cascavel - Paraná
Cep 85801-020
+ 55 45 3037-2439 / 99919-0568 (Whatsapp)

E-mail Geral:
contato@orcacontabilidade.com.br
Assessoria de Imprensa:
imprensa@orcacontabilidade.com.br

Trabalhe conosco

Cadastre seu CV no nosso
banco de talentos. Clique aqui.

Contato